Centro Sócio Educativo Deus Proverá

 

HISTÓRICO

A instituição teve como fonte motivadora, o sonho de uma mulher que começou a se sensibilizar com a situação das crianças e adolescentes que viviam nas ruas. Ela teve a oportunidade de conhecer melhor a realidade das ruas de nossa cidade através de um trabalho na Cruz Vermelha, a partir de 20 de abril de 1995 que durou dois anos e oito meses.

Foi no decorrer deste período que adquiriu experiência, por meio de pesquisa nas ruas de Maceió e em várias instituições, necessários para a construção de um projeto pessoal mais amplo, a fundação de uma instituição. O resultado de suas pesquisas demonstrou que a situação da menina era mais crítica, por esse motivo, o sexo a ser escolhido para o trabalho foi o feminino.
Para o projeto pessoal se transforma em realidade, ela contou com a participação fundamental de um grupo de amigos evangélicos que começaram a trabalhar conjuntamente. 

Elaboram um projeto, que denominaram Rosa de Sarom, este precisava de respaldo legal para seu registro. Então os responsáveis resolveram adotar o nome, estatuto e registro do CEMAR (Centro de Menores Amando para Restaurar), uma instituição que atendia crianças e adolescente, mas que já não existia, de fato, por falta de recursos financeiros.
A antiga diretoria do mesmo, por não estar mais em atividade, formalizou uma renúncia que abria espaço para novos organizadores da entidade.

O CEMAR, agora pautado no projeto Rosa de Sarom, teve uma nova inauguração no dia 12 de outubro de 1999. O espaço físico da instituição foi cedido em regime de comodato pela SETAS ( Secretaria do Trabalho e Ação Social ).
No dia 15 de janeiro de 2000, mudou-se então a identificação para Centro Sócio-Educativo Deus proverá.

META E CARACTERIZAÇÃO DA CLIENTELA

O CSDP atende a crianças e adolescentes do sexo feminino na faixa etária de 10 à 17 anos, em situação de risco (exploração, situação de prostituição, vitimas de qualquer tipo de violência, negligência por parte da família ou responsáveis etc) encaminhadas através das promotorias, conselhos tutelares, e juizado da Infância e juventude.
Ao chegar ao abrigo, as crianças encontra-se com problemas nutricionais e clínicos o fator psicológico é totalmente comprometido, baixa auto-estima, ego fragilizado, necessitando estabelecer vínculos, percepção distorcida do objetivo da sexualidade, apresentado agressividade, intolerância aos contatos sociais e interferências funcionais, são comuns casos de repetência, distorção de idade-série, e outros problemas de aprendizagem: inversão de letras, lentidão, descalculia, desatenção etc. Necessitando de um trabalho psicológico e pedagógico intenso objetivando um equilíbrio nas atividades desenvolvidas interna e externa da instituição. 

VISÃO

Ser referencial no atendimento a crianças e adolescentes em situação de risco social e pessoal no estado de Alagoas.

MISSÃO

Promover o desenvolvimento bio-psico-social das crianças/adolescentes visando uma proposta pedagógica voltada para os direitos sociais, éticos, religiosos, familiar, recreativo etc, proporcionando a reinserção familiar.

OBJETIVOS:

GERAL

Desenvolver um atendimento à criança e a adolescente em situação de risco social, submetendo-se a situação de rua, violência familiar, exploração sexual comercial e abuso sexual com base numa proposta pedagógica, voltada as sociais, éticos, religiosos, familiar, recreativo etc.

ESPECÍFICOS

Favorecer de forma construtiva atividades artísticas, culturais, esportivas e lúdicas, tendo a solidariedade e a coletividade como princípio fundamental, auxiliando no desenvolvimento bio-psico-social das crianças.

Incentivar a leitura para o desenvolvimento do ser, trabalhando em oficinas educativas, temas relacionados a família, religião, sociedade e cultura. Oferecendo atividades pedagógicas, recreativas e culturais na perspectiva de fortalecimento das relações familiares no sentido do respeito e cidadania.
Resgatar a história da vida das crianças/adolescentes através de visitas domiciliares e acompanhamento psicológico.

Proporcionar o resgate da auto-estima, com a família e a comunidade.

Proporcionar acesso a informações sobre a sexualidade, gravidez na adolescência, uso de drogas e DST/AIDS.

Favorecer de forma construtiva atividades artísticas, cultural, esportiva e lúdica, tendo a solidariedade e a coletividade como princípio fundamental no desenvolvimento da autoconfiança e auto–estima.

Proporcionar as residentes a formação necessária ao desenvolvimento de suas potencialidades, como elemento de auto-realização, promovendo meios para atingir com eficiência e eficácia todo o processo ensino-aprendizagem em seus níveis e graus de ensino.

Árvore Amiga/2016 - Pizzaria ARMAZÉM GUIMARÃES & Restaurante MARIA ANTONIETA


Postado em

A Sociedade Amiga em mais uma edição do projeto ÁRVORE AMIGA/2016 junto a Pizzaria ARMAZÉM GUIMARÃES e o Restaurante MARIA ANTONIETA - Empresa Socialmente Corretas - onde beneficiaram através dessa iniciativa 50 crianças da Creche Lindolfo Collor as quais foram agraciadas pelos colaboradores dessas empresas através de um “ato solidário” realizado no dia
22/12/16.

“Não realizamos SONHOS apenas compartilhamos ALEGRIAS”.

Agradecemos em nome das crianças e por cada sorriso que VOCÊS proporcionaram e por acreditarem no projeto ÁRVORE AMIGA.

A todos o nosso Muito Obrigado!

Ver todos >>

Instituições

Publicidade